Blog do Garreto - A credibilidade é o compromisso da informação!

COISA DO CAPETA! Deputado Jean Wyllys quer retirar trechos da Bíblia que falam dos afeminados; será?

O deputado federal Jean Wyllys, do PSOL, apresentou na tarde de hoje um projeto de emenda (pasmem!) ao texto da Bíblia que pretende tirar do livro sagrado dos cristãos os trechos considerados homofóbicos por ele e pelos pervertidos militantes que fizeram o “diabo” na última para gay em São Paulo.
A proposta causou polêmica mesmo antes de sua apresentação, levando vários membros da bancada evangélica a tentarem articular com a mesa da Casa legislativa a rejeição sumária de proposta.
O autor do projeto, já precavido das reações contrárias, ocupou a tribuna para justificá-lo.
“Desde o início eu sabia das reações que os setores fundamentalistas iriam protagonizar. Mas vejam vocês que até mesmo do livro do Monteiro Lobato foi extraído um trecho racista, por qual motivo não podemos fazer o mesmo com a Bíblia?”, questionou.
A proposta não especifica os trechos que seriam retirados das escrituras, pois para tanto, seria formada uma “Comissão de notáveis”, que decidiriam quais passagens são homofóbicas.

“Já consultei vários teólogos especialistas em pederastia e vou sugerir vários nomes para essa comissão”, revela o parlamentar.
Não é a primeira vez no Brasil que trechos da Bíblia causam polêmica no mundo do homossexualismo.
Em 2011 a justiça determinou a retirada de outdoors de Ribeirão Preto com passagens bíblicas por considerá-los ofensivos aos gays.
Caso a proposta seja aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça, será levada a plenário e submetida a votação em dois turnos.

Categoria: Política

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*