Blog do Garreto - A credibilidade é o compromisso da informação!

LAMENTÁVEL: Em Peritoró, Mulher é levada em rede para o hospital devido as péssimas condições das estradas vicinais do município

O município de Peritoró- MA, embora com uma história belíssima, desde sua constituição, antes mesmo de cidade, quando inicialmente foi povoada por índios e ter ao longo dos anos se desmembrado e se consolidado como cidade, mas parece que a atual gestão do Senhor Jozias Lima Oliveira (PMDB) está na contramão de todos os dispositivos constitucionais a exemplo do que apregoa o artigo 196 da Carta Magna brasileira que garante ”A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação”.

No entanto não é o que vem ocorrendo no município de Peritoró-MA, que hoje é gestado pelo Pe.Jozias Lima que parece estar no preâmbulo da constituição da cidade, alheio a todas as recomendações médicas e jurídicas, mas do que isso, é oferecer condições mínimas para esta população, pois em pelo século XXI os munícipes ainda têm que lidar com a irresponsabilidade de gestores descomprometidos com o bem estar dos(as) cidadãos(ãs) , a exemplo do fato que ocorreu na tarde desta quinta-feira (19), onde os moradores do povoado Piranha tiveram que socorrer a moradora Jardeane da Costa Barbosa numa rede, mesmo ela estando com dois dias de operada de Cesariana.

Dessarte , cabe lembrar que o atual prefeito é ou pelo menos tem uma longa trajetória como padre e parece que o sentimento de empatia não foi possível aprender, pois ele, além de parecer não se sensibilizar com as mazelas alheias, descumpre inúmeras legislações, além da retro mencionada, descumpre também o art. 23 da Lei de Saneamento Básico – Lei 11445/07 e a própria Constituição de 1988 que assegura estradas estruturadas que possam dá condições de trafegabilidade , o que não está ocorrendo, pois segundo os moradores há tempo o prefeito esqueceu a cidade, sobretudo os povoados que são sempre os mais afetados, devido as péssimas condições das estradas não foi possível a entrada de veiculo para levar a paciente ao hospital, tendo que recorrer a um método retrógrado e ultrapassado.

Ainda segundo a população apenas promessas e até o momento nenhuma intervenção, diante de uma crise mundial na saúde pública, será que o prefeito terá que esperar pessoas morrerem ou ele vai sair de seu gabinete e de fato fazer aquilo para qual eleito? , Será até quando os moradores terão que levar os filhos de moto á escola?

Por fim a comunidade clama para que o prefeito possa de fato fazer seu papel de prefeito e tomar providências emergenciais, afinal saúde, infraestrutura é o mínimo que os munícipes podem ter, já que as demais politicas públicas também estão escassas.

BLog do Povo
Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*