Blog do Garreto - A credibilidade é o compromisso da informação!

Emendas investigadas pela PF podem ter ajudado Josimar eleger 40 prefeitos, entre eles a de Alto Alegre-Maranhão, Nilsilene do Liorne

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (9), a Operação Descalabro, que apura suposto esquema criminoso no Maranhão voltado ao desvio de recursos públicos, da área da saúde, por meio do direcionamento de licitações. Estima-se que a fraude pode ter gerado prejuízo de R$ 15 milhões aos cofres públicos.

O deputado investigado seria Josimar do Maranhãozinho (PL), que nas eleições para prefeito de 2020 seguiu elegendo 40 prefeitos na sua sigla.

Em uma investigação iniciada pela Polícia Federal, quatro meses atrás, conseguiu-se não apenas constatar os desvios, como também acompanhar os saques e realizar o registro de áudio e vídeo da distribuição dos valores no escritório regional do parlamentar.

A investigação corre em sigilo perante o Supremo Tribunal Federal. Segundo a PF as provas contra Josimar são densas, entre elas filmagens e áudios em que fica evidenciado a entrega de altos valores nos escritório do deputado Moral da BR.

Josimar é o maior apoiador e financiador da campanha de Nilsilene do Liorne, eleita prefeita de Alto Alegre do Maranhão no mês de novembro.Segundo a Polícia Federal, todas as pessoas que receberam montantes de dinheiro oriundos de emendas parlamentares de Josimar do Maranhãozinho estão sob investigação.

Nilsilene assim que foi eleita foi pedir benção para seu padrinho como mostra postagem do próprio deputado, que assume que agora Alto Alegre do Maranhão será governado “com a força e marca do PL”.

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*